terça-feira, 6 de dezembro de 2016

The Last of Us Joel está morto ??

Apesar de os rumores estarem circulando frequentemente sobre uma sequência de The Last of Us, o anúncio de Part II naPlayStation Experience foi muito gratificante para quem queria ver uma continuidade do que vimos na geração passada. Além de trazer um trecho muito interessante e empolgante, o vídeo lançou uma teoria no ar: Joel está morto.
Você pode se perguntar: “ué, mas ele aparece nas últimas cenas; como isso é possível?”. Aparentemente, trata-se apenas de uma alucinação de Ellie, que possivelmente estaria buscando vingança pela morte do antigo protagonista, já que a nova protagonista nunca olha diretamente para o personagem e o rosto dele nunca é mostrado na frente da câmera. Além disso, a gota de sangue que escorre no rosto da protagonista poderia ser interpretada como uma analogia à lágrima. Certamente, devemos ressaltar: trata-se apenas de teorias que circulam a internet.
Um dos combustíveis desse rumor é suprido pela conversa que Neil Druckmann, da Naughty Dog, teve com o Kotaku, dizendo que, se o primeiro jogo era sobre o amor e a relação de Ellie e Joel, o segundo seria sobre o ódio da garota. Contudo, o que a deixaria tão furiosa assim senão a morte de seu amigo? Há outros motivos, claro, mas esse é um forte candidato.

Teorizando e filosofando

Se há muita gente que acredita que Joel está morto, existe uma força igualmente poderosa que vai na direção contrária. Muitos jogadores acham que utilizar a técnica de vingança por um amigo próximo é algo cliché e previsível demais para uma empresa no nível da Naughty Dog, que trouxe uma aventura emocional que fugiu das técnicas de roteiro mais batidas da indústria. Afinal de contas, essa jogada de narrativa foi levemente explorada no primeiro game, mas acabou desviando do previsível (quando o herói está machucado no inverno).
Além disso, alguns usuários do Reddit acreditam que não seria uma alucinação, já que ele é retratado andando pela casa e passando por diversos cômodos do local, inclusive com uma arma na mão. Se ele realmente estivesse morto, faria mais sentido ele aparecer em um corte de cena, de maneira mais repentina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário